CADERNOS NIETZSCHE

Os cadernos Nietzsche visam a constituir um forum de debates em torno das múltiplas questões colocadas acerca e a partir da reflexão nietzschiana.

Nos cem anos que nos separam do momento em que o filósofo interrompeu a produção intelectual, as mais variadas imagens colaram-se à sua figura, as leituras mais diversas juntaram-se ao seu legado. Conhecido sobretudo por filosofar a golpes de martelo, desafiar normas e destruir ídolos, Nietzsche, um dos pensadores mais controvertidos de nosso tempo, deixou uma obra polêmica que continua no centro da discussão filosófica. Daí, a oportunidade destes cadernos.

Espaço aberto para o confronto de interpretações, os cadernos Nietzsche pretendem veicular artigos que se dedicam a explorar as idéias do filósofo ou desvendar a trama dos seus conceitos, escritos que se consagram à influência por ele exercida ou à repercussão de sua obra, estudos que comparam o tratamento por ele dado a alguns temas com os de outros autores, textos que se detêm na análise de problemas específicos ou no exame de questões precisas, trabalhos que se empenham em avaliar enquanto um todo a atualidade do pensamento nietzschiano.

Ligados ao GEN – Grupo de Estudos Nietzsche, os cadernos Nietzsche contam difundir ensaios de especialistas brasileiros e traduções de trabalhos de autores estrangeiros, artigos de pesquisadores experientes e textos de doutorandos ou mestrandos. Fundados em 1996, vêm sendo lançados desde então regularmente nos meses de maio e setembro. Os artigos neles publicados se acham indexados por The Philosopher’s Index, Clase e Geodados.

Publicação que se dispõe a acolher abordagens plurais, os cadernos Nietzsche querem levar a sério este filósofo tão singular.

 

Editor
GEN – Grupo de Estudos Nietzsche

Editores Responsáveis
Scarlett Marton (Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil)

Ivo da Silva Júnior (Universidade Federal de São Paulo, Guarulhos, Brasil)

 

Conselho Editorial
Antonio Marques (Universidade Nova de Lisboa, Portugal), Diego Sánchez Meca (Universidade
de Madri – UNED, Espanha), Ernildo Stein (Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande
do Sul, Brasil), Germán Meléndez (Universidade Nacional da Colômbia, Colômbia), Giuliano
Campioni (Universidade de Pisa, Itália), Günther Abel (Universidade Técnica de Berlim,
Berlim, Alemanha), José Jara (Universiade de Valparaiso, Chile), Luis Enrique de Santiago
Guervós (Universidade de Málaga, Espanha), Mónica B. Cragnolini (Universidade de Buenos
Aires, Argentina), Patrick Wotling (Universidade de Reims, França), Paulo Eduardo Arantes
(Universidade de São Paulo, Brasil), Rubens Rodrigues Torres Filho (Universidade de São
Paulo, Brasil), Werner Stegmaier (Universidade de Greifswald, Greifswald, Alemanha).

 

Comissão Editorial
André Luís Mota Itaparica (Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, Cruz das Almas,
Bahia, Brasil), André Fávero (Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil), Braian Matilde
(Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil), Clademir Luís Araldi (Universidade Federal
de Pelotas, Pelotas, Brasil), Eder Corbanezi (Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil),
Eduardo Nasser (Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil), João Evangelista Tude de Melo
(Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil) Luís de Rubira (Universidade Federal de
Pelotas, Pelotas, Brasil), Márcia Oliveira de Rezende (Universidade de São Paulo, São Paulo,
Brasil) Márcio José Silveira Lima (Universidade Federal da Bahia, Barreira, Bahia, Brasil),
Vânia Dutra de Azeredo (Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, Brasil),
Wilson Frezzatti Júnior (Universidade do Oeste do Paraná, Toledo, Paraná, Brasil).

 

Projeto gráfico e editoração
Paula Casarini

Tiragem
1.000 exemplares

Português, Brasil